Os Primeiros Sábados

Nos Primeiros Sábados, fazemos a comunhão reparadora ao Coração de Maria, rezando e meditando os Mistérios do Rosário após a comunhão.
Esta comunhão reparadora exige que se esteja em estado de graça, confessando-se com um sacerdote – se não for possível confessar-se no mesmo dia, é válido confessar-se nos 8 dias anteriores ou posteriores, contanto que se esteja em estado de graça no Primeiro Sábado.

No dia 10 de dezembro de 1925, em Pontevedra, aparecendo à Irmã Lúcia com o Seu Imaculado Coração cercado de espinhos, Nossa Senhora lhe disse:


«Tu, ao menos, vê de Me consolar e diz que todos aqueles que durante cinco meses, no Primeiro Sábado
– se confessarem
– receberem a Sagrada Comunhão
– rezarem o Terço
– e Me fizerem 15 minutos de companhia, meditando nos 15 Mistérios do Rosário com o fim de Me desagravarem,
Eu prometo assistir-lhes na hora da morte com todas as graças necessárias para a salvação dessas almas».

Enquanto não temos material disponível neste site, indicamos a seguinte página do Movimento do Rosário Permanente.
(Leia sobre Comunhão Reparadora)
 
Numa revelação, na noite de 29 para 30 de maio de 1930, Nosso Senhor dignou-Se explicar por que escolheu 5 Sábados: «São 5 as espécies de ofensas e blasfêmias proferidas contra o Imaculado Coração de Maria:

  • as blasfêmias contra a Sua Imaculada Conceição
  • as blasfêmias contra a Sua Virgindade
  • as blasfêmias contra a Maternidade Divina, recusando ao mesmo tempo recebê-lA como Mãe dos homens
  • as blasfêmias dos que procuram infundir nos corações das crianças a indiferença, o desprezo e até o ódio contra esta Imaculada Mãe
  • as blasfêmias dos que A ultrajam diretamente nas Suas Imagens».

Esta reparação deve ser feita durante 5 meses seguidos para se cumprir o que Nossa Senhora pediu.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.